Sou o que sou

Minha foto
Sampa, SP, Brazil
Sou terra, por ter razões. Sou berro, se aberrações. Sou medo, porque me dou. Sou credo, se acreditou

sexta-feira, 16 de abril de 2010

E-Tango (ou “la cancion de una electro-separacion”)


Apaguei os teus contatos
deletei os teus e-mails
teus perfumes baratos
e os sabor dos teus seios

Escaniei minha memória
procurei toda fotografia
pra esquecer a nossa estória
ledo engano, pura utopia

[refrão]
ah !...quem me dera poder esquecer
toda nossa lesa e triste quimera
todo nosso amanhecer...
ah!...se um dia nos fizemos sofrer
apagar essa memória, quem dera
reformatar todo o HD...

Percorri todas as pastas
dos arquivos do passado
emoções bestas e gastas
que já devia ter detonado

joguei no lixo os nossos DVDs
dos filmes em baixa resolução
msn,facebook, tweeter, icq,
tudo que fizesse te esquecer
tudo a mais pura ilusão...

[refrão]
ah !...quem me dera poder esquecer
toda nossa lesa e triste quimera
todo nosso amanhecer...
ah!...se um dia nos fizemos sofrer
apagar essa memória, quem dera
refomatar todo o HD...

19 comentários:

Adriana Godoy disse...

Joe, uma delícia tecnologicamente poética. Viajei nesse delírio. Beijo.

Joe_Brazuca disse...

ADRIANA...e quem não viaja num TANGO ?...rs...um beijo a la Piazzolla !

Francisco disse...

Don Astor, está feliz no céu! rsrs

A letra é perfeita. Imagino o ritmo...

Grande abraço!

Jairo de Salinas disse...

Se não me engano, é nele que La Cumpar... 'cita', que sempre haverá outra chance.
Bravo fermatado, Joe!

Diu Mota disse...

Que tango antenado! Até o sofrimento precisa ser também virtual!
abraço!

J. Araújo disse...

Já ouvi umas duas vezes em um programa na madrugada. É muito dificil ouvirmos nas radios.

Ah, ve se apareça ta?

abraço

Cris disse...

Joe Querido, o mes passado estive em Buenos Aires e ouvi tango sem parar, fui a shows de tango...eu odiava...rs
Não sabia o porquê de não gostar de Buenos Aires, de tango e de todo aquele povo.
Fui desta vez para saber o porquê. Fui sozinha para ver Buenos Aires PELOS MEUS OLHOS.
Eu amei...fiquei encantada coam essa magia dos tangos, com a dança em si que além de linda e sensual vai desenhando a letra da música em cada passo.
A cidade se mostrou para mim de outra forma e ...já estou com vontade de voltar...rs

Portanto, adorei o post...bailar e bailar e bailar...rsrsrsrs

beijo grande

LiLa BoNi disse...

Eu amei...cada palavrinha...cada passinho...eita que tu é bom demais !!!!

Cíntia Thomé, Jornalista, Poeta . disse...

PORQUE NÃO QUERO SABER...

Não quero saber
Se meu violão está sem cordas,
Se ele estará sem dó, si ou lá
Meus cds partidos não vão reviver!
Se meu piano está afinado ou sem teclas,
Pois o jogarei do meu edifício.
Se o edifício implodir, ou não, dane-se!

um pouquinho de um poema do livro meu Olhos de Folha Minha...


é isso limpe a vida , passe oxigenada...e pinte o coração com outro maor mércurio,
Tango...tango...nada mais virtual, mas que seja real todo compasso...
ab

Joe_Brazuca disse...

FRANCISCO...quem dera Don Astor, estar ouvindo !...um gênio !...( A música ainda estou fazendo...rs)...abraço e grato !

JAIRO...sempre és um baluarte do saber musical !...abraço, Músico-Poeta !

DIU MOTA...pois é !...sofre-se tabem em BITS...rsrs...um beijo e grato !

J.ARAÚJO....qq hora é sempre a hora de se ouvir um tango !...obrigado e abraço !...apareço com mó prazer !

CRIS...o tango não precisa ser aprendido...temos que aprender a senti-lo !...vc, assim, deu outra chance e o fez sentir !...meus parabéns ! comeu muitos alfajores ?...rsrs)...um beijo, querida !

LILA...de passo em passo, tangueamos todos, né ?...rs...e voce que é sempre muito carismática !...beijo

CINTIA...e eu só quero saber de voce e de sua poesia sempre exuberante !...rs ( as vezes dar uma reformatada no HD, pra limar tudo que é obsoleto e atrapalha a nossa "speed", precisa ser feito, né não ?...rs)...um beijo, querida !

jefhcardoso disse...

Olá Joe! Esta semana estou divulgando uma “nova” postagem. Trata-se de um conto; que na verdade vem a ser uma reedição de meu blog. Sua postagem original ocorreu em 13.02.09; sendo esta a minha terceira postagem no blog. Naquela ocasião este texto não recebeu nenhum comentário. O texto é “O Sr. e o Dr.”. Espero que você, tendo um tempinho, o aprecie.
Um grande abraço, minha gratidão antecipada!

Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com

Almirante Águia disse...

Tango e dor de cotovelo, tudo a ver. Esta coisa de tecnologia esta em todo lugar, seria interessante se tivessemos um ícone de formatação, fariámos um backup só por precaução, depois disso, seria reiniciar e pronto. Vamos a outra dança.

Abração

Doroni Hilgenberg disse...

Joe,
Quanto tempo...
Um tango...é sempre um tango e meche com os sentimentos da gente.
Que bom se pudessemos deletar instantaneamente nossa memória como
se deleta um HD.
Bjs e saudades

Zélia Guardiano disse...

Muito interessante, com essas citações tecnológicas! Atualíssimo!
Gostei!
Um abraço

mARa disse...

...quem derá a manhã chegasse e houvesse na memória um pouco de quimeras...quem derá ainda o gosto da Noite na boca e as sensações, aquelas que nas manhãs fazem Recordar a outra e outra e outra Noite.

Beijo!

(a música está musicando embalando o sono e o sonho...só pra te contar, rssss...)

Joe_Brazuca disse...

JEFH...certamente irei lá te ler...eu quem agradeço a sua estimada presença !...abraço !

ALMIRANTE...e não é verdade ?...ja pensou que fácil ?...era bom demais né...mas...num tem né...rs...fazer o que...vamos dançando conforme o Tango !...abraço, Poeta !

DORONI....querida amiga poetisa !...pois é...estamos por aqui, mas "nos" demoramos...coisas da vida corrida !...adoro quando voce vem !...mas não vamos nos deletar não, tá ?...rsrs...um beijo !

ZÉLIA...não é mesmo ?...a tecnologia arrasa e domina...até num Tango a lá Gardel !...gostei que veio tb !...um beijo

MARA...dessa música queremos aos borbotões, né não ?...como o bom vinho, tomado lá em Buenos Aires...rsrs...um beijo, poetisa !

O NOVO POETA disse...

sempre nos dando o prazer de um bela leitura, um ótimo final de semana.

Thiers R > disse...

Qrido , tá uma delicia, mas não apaga da memória,
afinal na memória moram tdos os prazeres.
Não esqueça, afinal em tdas as relações são feitas tbém de felicidade.
Foram instantes q ficaram, tão belos q restou esta música.

Juliêta Barbosa disse...

Joe,

Saudades do teu espaço, da tuas letras e dos teus sons... Beleza pura! Voltarei. Bjs

Related Posts with Thumbnails