Sou o que sou

Minha foto
Sampa, SP, Brazil
Sou terra, por ter razões. Sou berro, se aberrações. Sou medo, porque me dou. Sou credo, se acreditou

domingo, 18 de junho de 2017

Planeta Azul

Terra, pérola azul, minúscula
Doce Criança perdida no imenso
Te destroem firme e aos poucos
Tratam-te vilmente,à triste mácula
Gritas chorando aos ouvidos moucos:
"Ampara-me! sou teu jardim suspenso!"

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Fotógrafo



Fotografarei
As mazelas do mundo.
As feiuras do Homem.
A miséria e o infortúnio.
A imundícia da raça.
A tristeza da espécie. 

A ignomínia da existência.
A ignorância, a escravidão.
Os ventres expostos.
Pois a beleza é óbvia e irritante.
A beleza é fácil e sustentável.
E a beleza é inócua e servil.
Fotografarei os cacos da vida.
E a certeza da morte.

(a Sebastião Salgado)
Related Posts with Thumbnails