Sou o que sou

Minha foto
Sampa, SP, Brazil
Sou terra, por ter razões. Sou berro, se aberrações. Sou medo, porque me dou. Sou credo, se acreditou

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Sobre marcos, pontes e mourões


Entre vales e montes, lá ia o menino franzino
chutando as latas do tempo, sorrindo desatino..

Mal sabia aquele pequeno menino
quem em meio aos seus sertões
cantaria suas estrofes em língua afiada
sobre as pontes da vida, aguçados mourões...

Entre estradas e casas ocres , lá ia o sorridente menino
sonhando brasis menos pobres, sob forte sol a pino

sorvendo sabor de doce manga
chutando as pedras à toa, marco repentino
sem qualquer loa ou zanga
vivendo o momento, com o dia matutino

Entre linhas, folhas e letras, lá vinha o mestre menino
ensinando sonhos ao vento, andante peregrino...


(uma singela homenagem ao poeta, ensaísta e escritor, Professor Marcos Pontes Moura)

2 comentários:

Dona Chica disse...

Ah, mal sabia eu ...eu também ia...eu fui...vim. tô aqui entre todas as maravilhas dele! Adorei, obrigada, Joe, fratelíssimo

MIRZE disse...

Uma bela homenagem!

Pelo que li, ele também compõe. Então merece toda as honras.

Beijos

Mirze

Related Posts with Thumbnails