Sou o que sou

Minha foto
Sampa, SP, Brazil
Sou terra, por ter razões. Sou berro, se aberrações. Sou medo, porque me dou. Sou credo, se acreditou

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Quero



Quero meu corpo morto em você.
Absorto no teu toque. No teu enfoque.
Dessentir o que antes foi, e agora é novo.
De novo revelar os segredos guardados,
sussurros calados, suores armazenados...

Quero o encontro secreto, olhares discretos
Desejos escondidos, gestos pretendidos,
Olhares recolhidos, sabores degustados...


Quero despudores profundos,
Dos que calam todo um mundo
emoções atrevidas, ações desmedidas...

Quero o teu desejo mais abusado,
teu frenesi lambuzado, teu beijo açucarado
lúbricos desatinos, cruzados destinos,
Corpos inconscientes, incandescentes,
com a ternura de sol a pino...

Quero mordidas exatas, frase baratas,
locuções insensatas, odores abstratos,
posições de todos formatos,
luxúria a dois, puros desacatos,
tanto como na vida, como na lida,
como nos nossos mais santificados atos...

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails