Sou o que sou

Minha foto
Sampa, SP, Brazil
Sou terra, por ter razões. Sou berro, se aberrações. Sou medo, porque me dou. Sou credo, se acreditou

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

“Harpa é uma asa que toca” (*)


Depende de como se foca
harpa é uma asa que toca
meio assim, meio assado
nem muito de frente
nem meio de lado
como se outro ponto de vista
do gosto de quem assista
uma foca morasse numa toca !
...e um grande mar todinho
seja bem pequenininho
e dentro dum pequeno ninho
uma enorme onda, desemboca...

depende de como se toca
a harpa pode ser de quem foca
como se toda asa
deixasse todo ar que vaza
e mostrasse que apesar de oca
toda toca sempre acolhe,
nos encanta e nos recolhe
como o calor de nossa casa...

depende de como se enfoca
a harpa é uma pequena asa
que fica em toda casa
do coração de quem se toca...


(*- esta frase, que deu o "start" à pretensa poesia, é uma das célebres frases retiradas dos exames do Enem.É claro que, academicamente falando, nos parecem sempre "absurdas" as respostas, contudo por vezes, vem carregadas de verdades e de extremo lirismo, o que vem mostrar ao meu ver, que todo o estabelecido, por mais exato que possa parecer, mostra apenas uma vertente do fato, do objeto ou do senso.Um pouco de anarquia não faz mal a ninguem...)

11 comentários:

Cíntia Thomé, Jornalista, Poeta . disse...

Mesmo quase vazia...ela toca...todas as árias de mim...
veja meu blog...bjus Amei amei teus versos!!!
Sintonia com os meus humildes rabiscos hoje...

bju bfds

Mari Amorim disse...

Olá Joe,
saudades,e ao som da harpa,
desejo-lhe bençãos sem medidas!
Boas energias,
Mari
Ps.desculpe-me a ausência estava dodói.bjs

Cris disse...

haha............Vc é F !
Eu amei. Pegou o "gancho" e com toda a sua sensibilidade poética colocou mais asas e mel em toda a ingenuidade do "garoto" ou da "garota". No fundo, ele fez sim, poesia e merecia todos os pontos do ENEM....rs

Vc, sempre merece todos os pontos.
A harpa que canta e com suas asas acolhe em berço já não oco.

Joe, Joe....beijos

Jairo Cerqueira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jairo Cerqueira disse...

E o mundo:
É oco como a touca de um bebê sem cabeça, ou são cabeças de bebês sem toucas?
Parafraseando Caetano, meu amigo, saúdo o seu belo poetar singelo.
E por preguiça ou incompetência, às vezes os "doutos" desprezam o que não foi pré estabelecido.
Um abraço, MAESTRO!

Mirze Souza disse...

Maravilhosa Harpa!

Tudo depende do olhar, do foco. Acolhedor é o carinho do calor em qualquer toca.

Agora sei que minha casa tem asa.

Parabéns, Joe!

Fantástico e inesperado!

Abraços, poeta!

Mirze

mARa disse...

...senti lindamente o som da Harpa, essa que como asa toca de leve na alma de quem se toca...

Você é Incrível...qdo crescer quero ter essa sensibilidade.

Bjo! Amigo Lindo!

Joe_Brazuca disse...

OBRIGADO MEUS QUERIDOS AMIGOS E POETAS !...
ABRAÇOS "TOCADOS" !

Juliêta Barbosa disse...

Joe,

Aos olhos do poeta "Harpa é uma asa que toca." Você tocou lindamente nas cordas do meu coração. Obrigada!

José Carlos Brandão disse...

Olá, Joe!
Gostei da sua harpa,
como toca,
como voa!
A pobreza do Enem dá poesia.

Abração.

VELOSO disse...

Pelo menos alguma coisa de bom o ENEM traz! Parabens!

Related Posts with Thumbnails